Ultimas Notícias

Nota técnica apresenta as ameaças da reforma da Previdência ao magistério

Nota técnica apresenta as ameaças da reforma da Previdência ao magistério


Em mais uma iniciativa de embasar a luta do movimento sindical contra as reformas do ilegítimo Temer, o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) lançou nova nota técnica, dessa vez direcionada ao magistério.

O texto original da PEC pretendia extinguir a aposentadoria diferenciada dos professores por tempo de contribuição e igualá-la à dos demais profissionais; já o substitutivo propõe como requisito para a aposentadoria idade mínima equivalente a 60 anos para professores homens e professoras mulheres, combinada a, pelo menos, 25 anos de contribuição.

Se implementadas, essas novas regras rebaixarão tanto os dispositivos do RGPS – que permitem aos profissionais do magistério acesso à aposentadoria integral aos 25 anos de contribuição para as mulheres e aos 30 anos de contribuição para os homens -, quanto às normas do RPPS, que estabelecem, além do referido tempo de contribuição, idade mínima de 50 anos para as professoras e de 55 para os professores.

Nota Técnica 185 - Reforma da Previdência e a ameaça ao magistério. Clique e leia na íntegra http://sintet.org.br/administracao/files/files/notaTec185reformaPrevidencia.pdf

Fonte: CUT Brasília com informações do Dieese.