Ultimas Notícias

Rede Estadual: Sindicatos aceitam proposta da data-base apresentada pelo governo

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), junto aos demais sindicatos e associações representantes dos servidores públicos estaduais estiveram reunidos com o governador interino, Mauro Carlesse nesta sexta-feira, 18, para tratar da data-base. Na reunião, a maioria das entidades decidiram por aceitar a proposta apresentada pelo governo.

O governo apresentou a seguinte proposta:
Pagamento da data-base 2017 – (Índice de 3,9870%), dividida em 3 parcelas, sendo:
1/3 implementado na Folha de maio (1,32901%), a receber no pagamento de junho;
1/3 em julho (1,32901%), com pagamento em agosto;

1/3 em setembro (1,27717%), com pagamento em outubro de 2018.

Já a data-base 2018, que corresponde ao índice de 1,69104%, será implementada na Folha de novembro, com pagamento em dezembro de 2018.

O presidente do Sintet, José Roque Santiago foi o único que a princípio divergiu da proposta apresentada pelo governo e sugeriu uma reformulação.

O representante da Educação propôs que fosse priorizado quem recebesse os menores salários, e que o escalonamento em vez de pagar 1/3 para todas as categorias, que fosse feito por faixa de salários, priorizando os servidores que ganham menos. “Nossa preocupação é que com essa proposta tem servidor que vai receber parcelas de vinte reais ou até menos”, disse Santiago.

O secretário da Fazenda, Sandro Henrique disse que fechado o acordo, o estudo das planilhas já foi realizado pelo governo e que a proposta será discutida agora pela Procuradoria e Casa Civil, sobre como será elaborada, se por projeto de lei ou medida provisória, mais que até segunda já estará definida.