Ultimas Notícias

Diretora de escola é substituída em São Miguel do Tocantins após manifestos de estudantes

A servidora Izabel Cristina Sampaio Pereira Borges não é mais gestora da Escola Estadual Bela Vista, localizada no município de São Miguel do Tocantins conforme publicação do Diário Oficial, edição de quarta-feira, 30. Ela foi indicada no dia 22 de maio pela Diretoria Regional de Educação de Araguatins, mas não teve aprovação da comunidade escolar que exigiu a substituição imediata para o processo de transição da eleição, proposta pela promotoria para um prazo de 30 dias.

Na mesma edição do Diário Oficial foi designada a servidora Márcia Silva Gomes, atendendo ao pedido dos estudantes que queriam a indicação de uma pessoa neutra até o resultado da votação.

Izabel Cristina exerceu o menor tempo de gestão da Escola Estadual Bela Vista. Ela ficou no cargo apenas oito dias. Izabel foi nomeada após a dispensa do professor Raimundo Rodrigues da Silveira, que deixou a direção da escola no dia 18 de maio, causando insatisfação na comunidade escolar.

A saída arbitrária do Professor Raimundo estimulou um manifesto dos estudantes que acabou recebendo a adesão de professores e pais de alunos. O movimento ganhou repercussão nas redes sociais e em outros meios de comunicação, porque os estudantes exigiam que fosse assegurado a eles, o direito de escolher o gestor da unidade, uma prática que já ocorre em quase todos os estados do país.

O Sintet parabeniza a vitória de estudantes e da comunidade escolar da Escola Estadual Bela Vista, por conquistarem a nomeação da gestão da unidade de forma democrática. “Mesmo que não tenha sido através do voto, prevaleceu a vontade da maioria (pais, mães, professores/as, administrativos/as e estudantes) que não hesitaram em lutar.