Ultimas Notícias

Educação paralisa as atividades em Miracema nesta terça, 18

Profissionais organizam realização de um ato público em frente a prefeitura, às 8 horas, em protesto pelo cumprimento de reivindicações

Os profissionais da rede municipal de Educação de Miracema do Tocantins decidiram paralisar as atividades nesta terça-feira, 18, em protesto contra a prefeitura pelo não cumprimento da pauta de reivindicações da categoria. A decisão foi aprovada em assembleia geral realizada na última sexta-feira, 14, na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet) - Regional de Miracema.

A categoria cobra respostas às pautas pendentes e não atendidas pelo prefeito Saulo Milhomem. As reivindicações são o pagamento do reajuste 2018; progressões 2018; reintegração de gratificações garantidas pela Lei n° 274/11 aos (Diretores, Secretários Escolares e Coordenadores de Políticas Educacionais) e o pagamento do décimo terceiro salário até o dia 20 de dezembro de 2018.

O Sintet convida toda a sociedade (profissionais da educação, da saúde, da administração, pais e mães e comerciantes) para participar de um ato público que será realizado amanhã, às 8h, em frente a prefeitura de Miracema.

Essa é a segunda vez que a categoria protesta. A primeira paralisação ocorreu em 5 de novembro. Os profissionais estão há mais de dois meses aguardando uma reposta da prefeitura acerca da pauta.

Confira os motes aprovados pela categoria para serem usados durante a mobilização pelo cumprimento da pauta:
“Sem a efetivação do DÉCIMO TERCEIRO TODA A SOCIEDADE PERDE”!
“#DECIMO TERCEIRO JÁ#”
“PREFEITO NEGOCIOU – CUMPRA”
“RESPEITE NOSSA CATEGORIA”
“SINTET - JUNTOS SOMOS MAIS FORTE”.

Mais informações:
Iata Anderson Vilarinho (63) 9 9980-1129/ (63) 98441-7125
Presidente do Sintet Regional de Miracema do Tocantins