Ultimas Notícias

Trabalhadores em Educação protestam durante audiência pública em Guaraí



Os trabalhadores em Educação da rede municipal de Guaraí lotaram a Câmara de Vereadores, nesta segunda-feria, 18, onde realizaram uma manifestação durante a Audiência Pública de Prestação de Contas da Prefeitura Municipal.

Faixas, cartazes e palavras de ordem deram voz aos educadores que reivindicam o cumprimento da Lei do Piso e do plano de carreira do magistério.

As manifestações duraram toda manhã e se estendeu até às 14 horas. Não houve aula para os alunos da rede municipal nesta segunda, em função da participação dos educadores na audiência pública.

A categoria tentou protocolar o ofício noticiando a prefeitura sobre a redução da jornada de trabalho em uma hora a partir da próxima segunda, 25, mas a prefeita Lires Ferneda (PSDB) se recusou a receber o documento em meio aos protestos.

O ofício foi protocolado ainda na tarde desta segunda, no protocolo da Prefeitura Municipal.

O Sintet aguarda uma resposta da Prefeitura sobre a notificação e apresentação de contraproposta acerca das reivindicações.

A categoria está em estado de greve desde o mês de janeiro deste ano.

"Nossa luta é pela manutenção dos direitos da Educação. Queremos o cumprimento das leis do Magistério e melhor aplicação dos recursos da Educação, isso é o mínimo", disse a presidente do Sintet Regional de Guaraí, Iolanda Bastos.