Ultimas Notícias

SINTET SE SOLIDARIZA COM O MOVIMENTO GREVISTA DOS/AS EDUCADORES/AS GAÚCHOS E AO CPERS

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet), se junta a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação – CNTE, entidade representativa dos profissionais da educação básica do setor público brasileiro, para se solidarizar de forma incondicional com o movimento grevista dos (as) educadores/as do Estado do Rio Grande do Sul e ao seu sindicato CPERS.

Os/as trabalhadores/as da educação pública estadual foram covardemente agredidos com gás de pimenta e cassetetes pela tropa de choque da Brigada Militar, após a assembleia geral histórica que reuniu mais de 15 mil educadores/as, nesta terça-feira (26/11), na Praça da Matriz, em Porto Alegre/RS. A comitiva do CPERS buscava entregar um ofício ao governo do Estado, solicitando a retirada do pacote da pauta da Assembleia Legislativa quando o gradil que separavam o Piratini do público presente caiu.

Os/as educadores/as da rede estadual decretaram greve por tempo indeterminado desde o dia 18 de novembro, em protesto contra a “Reforma Estrutural do Governador Eduardo Leite. Na última semana, o Governo efetuou o corte de ponto dos grevistas.

Os ataques a classe trabalhadora são extensos. Os/as servidores/as que já estão com 47 meses de parcelamento salarial e cinco anos de contracheques congelados agora enfrentam mais retrocessos. A medida do governo do RS põe fim às progressões das carreiras, acaba com as gratificações por tempo de serviço, pondo fim ao próprio conceito de carreira. A cobrança de alíquota previdenciária ao/à servidor/a aposentado/a é outra maldade que expressa uma injustiça sem tamanho feita a servidores que recebem pouco mais de um salário mínimo.

Precisamos nos indignar contra os ataques dos governos contra a classe trabalhadora, contra o pacote de maldade imposta aos nossos companheiros gaúchos, contra todo projeto liberal e de massacre da classe trabalhadora liderado pelo Governo Bolsonaro por todo o país. Emitimos aqui nosso apoio às educadoras e aos educadores do Rio Grande do Sul!

Com informações da CNTE e do CPERS.

Diretoria Executiva do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins (Sintet).